Bahia fica no empate com o Corinthians em Pituaçu pelo Brasileirão

O Bahia ficou no empate sem gols com o Corinthians na tarde deste domingo (20), pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. É a segunda partida consecutiva que o Tricolor não vence no estádio de Pituaçu pela competição nacional.

Com o resultado, o time baiano assume momentaneamente a sexta colocação ao somar oito pontos na tabela de classificação. Porém, corre o risco de perder posições para outras equipes no desenrolar da rodada. Enquanto o Timão permanece na 10ª posição com cinco.

O Bahia tenta fazer as pazes com o triunfo em Pituaçu na noite de São João, quinta-feira (24), às 21h30, quando recebe a visita do Athletico-PR, pela sexta rodada. No mesmo dia, mas um pouco mais cedo, às 19h, o Corinthians encara o Sport, na Neo Química Arena.

O JOGO

A primeira ação ofensiva foi do Corinthians, que trocando passes conseguiu mandar a bola na área baiana, mas Patrick afastou o perigo mandando para fora. O Timão seguiu tendo mais posse de bola, enquanto o Bahia rifava da defesa. Recuado, o Tricolor conseguiu sair para o ataque em rapidez aos seis minutos, mas o cruzamento rasteiro foi cortado por Gil.

O primeiro chute a gol foi dos visitantes aos nove. Ramiro foi à linha de fundo, cruzou para trás e Gabriel chutou rasteiro. Sem dificuldades e bem posicionado, Matheus Teixeira encaixou a bola. Aos 16, o Timão chutou outra vez assustando Matheus Teixeira. Mateus Vital invadiu a área e bateu com perigo. A bola desviou na defesa e balançou as redes do lado de fora.

Até os 20 minutos, o Bahia não conseguia furar a defesa do Corinthians para criar uma chance clara de gol. As iniciativas baianas esbarravam na barreira paulista. Bola levantada na área dos visitantes, Juninho subiu mais do que a marcação e cabeceou, mas mandou a bola longe da meta de Cássio.

Rodriguinho finalizou, mas a bola bateu na marcação aos 42 minutos. Thaciano se esforçou, mas não conseguiu aproveitar o rebote e a pelota saiu pela linha de fundo.

Segundo tempo

As duas equipes voltaram dos vestiários com as mesmas formações da etapa inicial. Novamente foi o Corinthians quem arriscou primeiro. Assim que a bola rolou, o Timão recuperou e partiu para o ataque. Fagner experimentou de fora da área e Matheus Teixeira desviou para fora. Aos seis minutos, foi a vez de Cássio trabalhar. Renan Guedes cruzou rasteiro e o goleiro da equipe paulista cortou. Aos oito, Mateus Vital recebeu bom lançamento, dominou, invadiu a área e bateu por cima da trave baiana.

Matheus Teixeira fez uma grande defesa aos 11 minutos evitando que os visitantes abrissem o placar. Fagner cruzou na área baiana e Ramiro cabeceou para a defesa do goleiro do Tricolor.

O Tricolor teve boa chance aos 18 minutos. Na cobrança de falta, Rossi levanta a bola na área, Gilberto cabeceia e ela passa perto da trave esquerda de Cássio que ficou parado no lance.

Renan Guedes salvou o Tricolor de levar o primeiro gol na partida aos 22. Cruzamento de Ramiro da direita para a esquerda, ninguém cortou e a bola passou na frente do gol vazio, mas o lateral fez o corte providencial evitando que Jô tocasse para o fundo das redes.

Marcado por Thonny Anderson, Vitinho recebeu dentro da área e finalizou para o gol aos 27 minutos. Porém, o árbitro Bruno Arleu de Araújo foi rever o lance no VAR e mandou o jogo seguir. Quando a bola voltou a rolar, o Tricolor chegou bem no ataque três minutos depois. Thonny Anderson invadiu a área e cruzou para Gilberto que tocou de cabeça com perigo.

O Tricolor quase marcou aos 44 minutos com Thonny Anderson. O atacante acertou um belo chute de canhota, mas Cássio fez boa defesa evitando o tento.

FICHA TÉCNICA
Bahia 0x0 Corinthians
Campeonato Brasileiro – 5ª rodada
Local: Pituaçu, em Salvador
Data: 20/06/2021 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (Fifa-RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa-RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)

Cartões amarelos: Matheus Bahia (Bahia) / Roni, Gabriel, Ramiro (Corinthians)

Bahia: Matheus Teixeira; Renan Guedes, Germán Conti, Juninho e Matheus Bahia; Patrick de Lucca (Jonas), Daniel e Thaciano (Thonny Anderson); Rossi (Maycon Douglas), Rodriguinho e Gilberto (Oscar Ruiz). Técnico: Dado Cavalcanti.

Corinthians: Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo, Gabriel, Roni (Vitinho), Ramiro (Adson) e Mateus Vital (Araos); Jô (Cauê). Técnico: Sylvinho.

Fonte: Bahia Notícias