Família feita refém é libertada, e suspeitos de tráfico são presos em Salvador

Seis pessoas (três adultos e três crianças) foram libertadas por equipes da Polícia Militar, na tarde deste domingo (2), no bairro de Santa Cruz, Complexo do Nordeste de Amaralina, em Salvador. Dois suspeitos de tráfico que fugiram após confronto com a PM e fizeram a família refém (leia mais sobre o caso aqui) acabaram presos.

De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública, a negociação durou cerca de 2h. A casa usada como esconderijo, localizada na comunidade de Sucupira, foi cercada e a rendição, negociada. Os reféns não tiveram ferimentos, e um dos criminosos apresentava uma marca de disparo de arma de fogo, ocorrida durante confronto com equipes do Batalhão de Choque, antes da invasão no imóvel. Na mesma troca de tiros, um policial militar foi atingido na perna e precisou ser socorrido para o Hospital Geral do Estado (HGE). Ele teve uma fratura, será submetido à cirurgia, mas passa bem.

Os seis reféns receberam atendimentos no local, o traficante ferido foi encaminhado para o Hospital Geral do Estado (HGE) e o outro criminoso foi apresentado na Central de Flagrantes.

Fonte: Bahia Notícias