Em ‘noite da redenção’, Bahia goleia o Guabirá pela Copa Sul-Americana

Um verdadeiro passeio. Assim pode se definir a goleada do Bahia de 5 a 0 sobre o Guabirá na noite desta terça-feira (27), em Pituaçu, pela segunda rodada da Copa Sul-Americana. Mesmo com um time misto, o Tricolor não teve problemas para golear os bolivianos. A noite foi marcada por gols de Alesson (duas vezes), Marcelo (duas vezes) e Juninho, jogadores que vinham sendo criticados pela torcida.

Com o resultado, o Esquadrão de Aço assume a liderança do Grupo B da competição continental, com quatro pontos. A outra partida da chave será nesta quarta (28) entre Independiente e Montevideo City Torque.

O Bahia agora pensa na final da Copa do Nordeste. No próximo sábado (1º), a equipe de Dado Cavalcanti recebe o Ceará pela primeira partida da decisão.

O JOGO

Alesson abre o placar

O Bahia começou em cima do Guabirá e conseguiu marcar logo no início. Aos sete minutos, Thonny Anderson avançou pelo lado direito da área e cruzou rasteiro para Alesson completar de carrinho para o fundo da rede.

Matheus Teixeira pega pênalti

O jogo estava tranquilo para o Bahia, mas acabou tendo uma dose de tensão. Aos 24 minutos, Luiz Otávio derrubou Mina na entrada da área e o juiz Cristian Garay marcou o pênalti. Na cobrança de Mercado, Matheus Teixeira voou para fazer a defesa e mais uma vez salvar o Tricolor.

Com 32, o Bahia teve duas grandes oportunidades de marcar. Renan Guedes cruzou, Alesson dominou e chutou em cima da defesa. Na sobra, Thonny Anderson girou e finalizou por cima da meta.

Juninho marca o segundo

O Bahia marcou o segundo aos 39 minutos. Galdezani cobrou falta na área e Juninho subiu muito para cabecear e balançar a rede.

Antes do fim da primeira etapa, o Esquadrão perdeu uma grande chance. Matheus Bahia recebeu passe pela esquerda e cruzou rasteiro para Thaciano. Com liberdade, o meio-campista perdeu a oportunidade.

Segundo tempo

Em desvantagem no placar, o Guabirá começou o segundo tempo buscando criar oportunidades, Aos onze minutos, após cruzamento na área e corte da defesa do Bahia, Hurtado ficou com a sobra e chutou por cima. Após novo cruzamento, Peredo marcou para fora.

Aos 16, boa jogada do Bahia. Pela direita, Renan Guedes avançou e cruzou para Óscar Ruiz, que bateu de primeira, mas sem força, o que facilitou a vida do goleiro do Guabirá.

Marcelo faz o terceiro do Bahia

Eram marcados 19 minutos quando o Bahia ampliou o marcador. Após erro na saída de bola do Guabirá, Alesson cruzou e Marcelo cabeceou para o gol. A bola bateu na trave antes de morrer na rede.

Marcelo marca mais um

O atacante Marcelo Ryan estava em uma noite iluminada. Aos 24, ele recebeu passe de Renan Guedes na grande área, dominou e fuzilou de esquerda para balançar o barbante.

Ibañez expulso

Totalmente dominado em campo, restou ao Guabirá ser agressivo nas faltas. E em uma dessas um jogador do time boliviano acabou expulso. Após uma chegada forte em Juninho Capixaba, o zagueiro Ibañez levou o vermelho direto.

Alesson faz o quinto

Alesson chegou ao seu segundo gol no jogo e ampliou ainda mais o marcador. Aos 33, Daniel deu passe em profundidade para Marcelo, que passou para o camisa 21 tocar para o gol vazio.

Antes do apito final, o Bahia reve uma grande chance de fazer o sexto com Óscar Ruiz. De fora da área, Jonas mandou uma bomba, o goleiro Mustafa rebateu e o paraguaio mandou a bola no travessão após rebote. Pouco antes do apito final, Ruiz mandou uma bomba para rebatida do arqueiro.

FICHA TÉCNICA
Bahia 5 x 0 Guabirá
Copa Sul-Americana – 2ª rodada
Local: Pituaçu, em Salvador
Data: 27/04/2021 (terça-feira)
Horário: 19h15
Árbitro: Cristian Garay (Chile)
Assistentes: Edson Cisternas (Chile) e Leonar Soto (Peru)

Cartões amarelos: Luiz Otávio, Alesson (Bahia) / Galain, Amarilla, Ibañez (Guabirá)

Cartões vermelhos: Ibañez (Guabirá)

Gols: Alesson (2x), Juninho, Marcelo Ryan (2x) (Bahia)

Bahia: Matheus Teixeira; Renan Guedes, Luiz Otávio (Ignácio), Juninho e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Patrick (Jonas), Matheus Galdezani, Thaciano (Daniel); Óscar Ruiz, Alesson e Thonny Anderson (Marcelo Ryan). Técnico: Dado Cavalcanti.

Guabirá: Mustafa; Supayabe (Pascua), Amarilla, Galain, Ibañez e Leaños; Mercado, Peredo e Hurtado (Willian Álvarez); Mina e Vogliotti. Técnico: Víctor Hugo Andrada.

Fonte: Bahia Notícias