Mãe e bebê morre na Maternidade de Alagoinhas durante parto

Uma paciente identificada por Liana De Jesus Pinto 37 anos,grávida de nove meses, moradora da Rua Francisco Cerqueira no Barreiro em Alagoinhas, esteve na Maternidade Municipal, questionando dores na barriga nesta quinta-feira (20), ao chegar na unidade ela foi atendida, onde passaram um medicamento e em seguida, pediram que a mesma fosse para casa, após chegar em sua residência o seu companheiro seguiu juntamente com ela até a cidade de Pojuca, chegando lá na Maternidade, o médico fez uma ultrassonografia, e em seguida liberou a paciente,pedindo que fosse feita uma outra ultrassonografia em Alagoinhas.

Foi feito tal procedimento em um hospital particular em Alagoinhas. Após receber o resultado da ultrassonografia realizada em um hospital particular, constatando que o bebê estava morto, os familiares da paciente estiveram acompanhando ela até a Maternidade de Alagoinhas novamente,onde na madrugada desta sexta-feira (21), quando a equipe médica tentava expelir o feto de forma natural, a paciente começou a passar mal, onde não resistiu e veio a óbito.

 Nota de esclarecimento – Secretaria Municipal de Saúde

Em nota a Prefeitura Municipal de Alagoinhas,por meio da Secretaria Municipal de Saúde,esclarece que a paciente deu entrada na unidade nesta quinta-feira (20),quando foi prontamente acolhida, atendida e internada pela equipe da unidade.

Por meio de exame de ultrassonografia trazido pela paciente e as escuta dos batimentos cardíacos fetais, foi constatado que o bebê já estava morto e, em seguida, foram realizados todos os procedimentos cabíveis para a realização do parto natural.

A paciente entrou em trabalho de parto, que estava evoluindo normalmente. Contudo, no início da madrugada, apresentou um quadro agudo de insuficiência respiratória seguido de parada cardiorrespiratória, necessitando da aplicação de procedimentos de reanimação, que resultaram infrutíferos, culminando no óbito.

Reafirmando o compromisso de buscar sempre oferecer a melhor assistência de saúde à população, a Prefeitura de Alagoinhas, a Secretaria de Saúde e toda a equipe do Hospital Maternidade lamentam profundamente esta perda e estão disponibilizando todo o suporte para a família.”

Fonte: Informa Alagoinhas