Alagoinhas registra mais de 51 mil atendimentos particularizados nos Cras

Alagoinhas registrou, desde 2017, 51 mil atendimentos particularizados pelos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), conforme dados fornecidos pela prefeitura do município localizado no Litoral Norte e Agreste baiano.

Além da zona urbana, a cidade também investiu em Cras na zona rural, a exemplo Riacho da Guia e de Boa União, que tiveram os centros incrementados com acessibilidade, brinquedoteca e recepção climatizada, dobrando sua capacidade de atendimento à população.

No total, são mais de 41 mil famílias referenciadas nos quatro Cras da cidade e mais de 600 usuários.

Secretário municipal de assistência social (Semas), Alfredo Menezes falou também sobre o projeto Criança Feliz, para garantir o desenvolvimento integral na Primeira Infância. A iniciativa fez com que Alagoinhas recebesse uma visita da Unesco. “A Semas luta para que direitos sejam assegurados. Buscamos fortalecer a construção de vínculos familiares e comunitários, diminuindo as desigualdades, e os números de famílias assistidas evidenciam a consolidação do trabalho realizado em Alagoinhas, que conta hoje com uma das equipes de Ação Social mais atuantes da Bahia. Nossa meta é ampliar ainda mais os serviços”, disse Menezes.

Fonte: Bahia Notícias