O presidente Jair Bolsonaro (PSL) ironizou a pesquisa Datafolha que mostrou que 70% dos brasileiros reprovam a indicação de seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para a embaixada brasileira em Washington, nos Estados Unidos. “Pelo Datafolha eu não sou presidente”, disse, ao deixar o Palácio da Alvorada. “Acredito mais em mula sem cabeça, saci-pererê e Papai Noel do que no Datafolha. Não tem mais graça falar em Datafolha aqui. Datafolha não, Datafake”, afirmou. Em seguida, pediu que as pessoas rissem: “Pode rir, pessoal”.

Publicada nesta quarta-feira (4/9), a pesquisa mostrou, também, que apenas 23% dos brasileiros consideram que o presidente está agindo bem ao nomear seu filho para chefiar a missão diplomática. O processo de formalização da indicação de Eduardo ainda não foi formalizado.

Apesar das declarações do presidente, de que ele não seria eleito pela pesquisa do Datafolha, o último levantamento antes do segundo turno das eleições de 2018 apontou a vitória de Bolsonaro, com 55% dos votos válidos, contra 45% de Fernando Haddad (PT) – ?mesmos índices do resultado final.

Fonte: Aratu Online