A Prefeitura Municipal de Catu vem a público manifestar profunda tristeza e REPÚDIO ao ato de vandalismo praticado na Escola Professor Jecelino José Nogueira, no bairro Barão de Camaçari, no último final de semana.

As novas estruturas da escola, recentemente entregues à população, foram alvo de criminosos ainda não identificados. A quadra poliesportiva teve sua tela rasgada, vestiários destruídos e fiação roubada.

O crime de vandalismo ao patrimônio público praticado por pessoas talvez incomodadas com o trabalho de recuperação de escolas, feito pela Secretaria de Educação e Cultura e elogiado por toda sociedade catuense, prejudica diretamente quem mais precisa: os jovens alunos que tem como uma das únicas fontes de lazer e saúde o esporte praticado na escola.

O dinheiro que permite a Prefeitura fazer obras de melhorias na comunidade vem do bolso do trabalhador catuense, portanto é ignorância pensar que esse tipo de ato atinge somente a gestão municipal.

A Prefeitura de Catu há alguns meses lançou uma campanha de conscientização contra o vandalismo e mais uma vez pede a ajuda da população para que denunciem os atos através dos telefones: 95ª CIPM: (71) 3641-2674, ou a Delegacia (71) 3647-0808.

Novamente salientamos, destruir o patrimônio público é crime! A Prefeitura Municipal através da Secretaria de Educação já está tomando medidas legais para identificar os autores.

Fonte: ASCOM PMC