Nesta quinta (25), estive em Aramari, na comunidade quilombola do Catuzinho, ao lado do prefeito Fidel, vereadores Toinho de Julião, Abreu e Rone Cardoso, chefe de gabinete Geocondo Teixeira, além dos secretários Adinael (Agricultura), Zuza (Cultura) e Lauriano (Planejamento), e o ex-prefeito Genival Cardoso.

Visitamos muitas famílias da localidade, que sobrevivem da produção do beiju e derivados da farinha de mandioca. Praticamente, todas as moradias têm uma casa de farinha, uma tradição da comunidade.

Nosso objetivo nessa visita, foi ver de perto a realidade, o dia-a-dia desses remanescentes, sobretudo, saber de suas demandas e orientá-los para que possam modernizar, padronizar e agregar valor à produção, como por exemplo, a certificação de código de barras em seus produtos, que facilita a comercialização em maior escala.

Fonte: ASCOM ALEX PIATÃ