O caminhoneiro Raimundo do Rosário Deiró, 48 anos, foi assassinado na noite de quinta-feira (30), em Feira de Santana.

Segundo a polícia, ele estava em casa, no residencial EcoPark, na região do bairro Tomba, quando foi assaltado e baleado, por volta das 20h30. Ele ainda foi socorrido para o Hospital Geral Clériston Andrade, mas não resistiu e morreu por volta das 21h12.

Segundo informações, dois homens roubaram uma motocicleta e enquanto fugiam a moto parou de funcionar. Eles então pularam o muro da residência, para possivelmente tentar roubar outro veículo. O irmão de Raimundo confirmou essa informação e disse que o filho da vítima presenciou o momento em que os bandidos atiraram no pai.

“Os bandidos pularam o muro e o cachorro latiu. Eles saíram para ver o que estava acontecendo e de repente já foi alvejado pelos elementos. Era um homem muito trabalhador, desde novo. O filho estava presente, tentaram atirar nele mas a arma falhou, deram tiros também no cachorro. O muro da casa é alto, mas tem um terreno baldio no fundo por onde eles deviam ter passado”, disse Isaías, irmão do caminhoneiro, enquanto aguardava liberação do corpo no Departamrnto de Polícia Técnica (DPT).

Este é o 5º latrocínio (roubo seguido de morte) registrado neste ano em Feira de Santana.

Informações do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade