Na Itália, Battisti confessa participação em homicídios pela 1ª vez; Bolsonaro comenta - Portal Alagoinhas News – Últimas Notícias de Alagoinhas-BA e Região

Post Top Ad

segunda-feira, março 25, 2019

Na Itália, Battisti confessa participação em homicídios pela 1ª vez; Bolsonaro comenta

Cesare Battisti, ex-integrante do grupo terrorista Proletários Armados pelo Comunismo (PAC), admitiu pela primeira vez sua participação nos quatro homicídios pelos quais foi condenado à prisão perpétua. Battisti confessou os crimes perante Alberto Nobili, que coordena o órgão antiterrorismo do Ministério Público de Milão, pouco mais de dois meses depois de ter sido extraditado à Itália para cumprir sua pena.

O presidente Jair Bolsonaro comentou sobre o caso em seu perfil oficial no Twitter, na manhã desta segunda-feira (25/3) e deu um “recado”: “A nova posição do Brasil é um recado ao mundo: não seremos mais o paraíso de bandidos!”

Segundo Nobili, a admissão confirma tudo o que está na sentença contra Battisti, incluindo os quatro homicídios e “uma maré de roubos e furtos para autofinanciamento”.  “Eu falo apenas de minhas responsabilidades, não delatarei ninguém. Estou ciente do mal que fiz e peço desculpas aos familiares [das vítimas]”, afirmou Battisti, de acordo com o procurador, que acrescentou que a confissão é um “reconhecimento importante ao trabalho dos magistrados”.

Nobili é responsável pelo inquérito que investiga as supostas ajudas recebidas por Battisti em seu período de fuga. A confissão foi feita no último fim de semana, na penitenciária da Sardenha onde ele cumpre pena de prisão perpétua. “Battisti admitiu ter participado diretamente dos quatro homicídios, sendo que foi o executor material em dois deles”, reforçou Francesco Greco, chefe do Ministério Público de Milão.

Fonte/Foto: UOL
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Portal Alagoinhas News.

Post Bottom Ad