Hospital particular que atendeu vítimas de massacre em escola não vai cobrar consultas

O Hospital Santa Maria, que atendeu sete vítimas do tiroteio que aconteceu na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, interior de São Paulo, não vai cobrar pelos atendimentos. A informação foi divulgada pelo site Razões Para Acreditar, nesta quinta-feira (14), um dia após o crime, que aconteceu na quarta (13).

Em nota divulgada nas redes sociais, o Hospital lamentou a tragédia e afirmou que todas as vítimas e os familiares estão recebendo assistência necessária, inclusive psicológica.

“Todos foram prontamente atendidos, mediante a adoção dos protocolos e procedimentos médicos recomendados. Destes pacientes, após todo processo de atendimento, cinco foram transferidos com quadros estabilizados. Os dois pacientes que estão conosco se encontram estáveis. O Hospital Santa Maria, único hospital particular de Suzano, reitera a solidariedade às vítimas e seus familiares”, diz.

Fonte: Varela Notícias