Estudantes da rede estadual se destacam e tiram acima de 900 na redação do ENEM 2018 - Portal Alagoinhas News – Últimas Notícias de Alagoinhas-BA e Região

Post Top Ad

quinta-feira, janeiro 31, 2019

Estudantes da rede estadual se destacam e tiram acima de 900 na redação do ENEM 2018

A redação do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) é considerada uma das provas de maior peso e obter uma boa pontuação pode levar o candidato a conseguir a tão sonhada vaga em uma universidade.

Este é o caso dos estudantes da rede estadual Júlio Bernardo Ferreguett, 17, de Teixeira de Freitas, que obteve a nota 960 e Rebeca Uzêda dos Santos, 17, de Salvador, que tirou 940. Ambos almejam cursar Medicina e Psicologia, respectivamente, tendo a nota do ENEM como um passaporte para o ingresso no Ensino Superior.

Os estudantes discorreram sobre o tema “”Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”. Júlio Bernardo Ferreguett, que acabou de concluir o Ensino Médio, no Centro Educacional Professor Rômulo Galvão, localizado em Teixeira de Freitas, disse que atribui a sua nota a muita leitura e a prática textual.

“Sempre gostei de ler e acho que a leitura é essencial para escrevermos bem. Além de ler bastante durante o ano letivo, eu escrevi várias redações e, também, analisei as redações de nota 1000 dos anos anteriores do ENEM. Acredito que quando a gente ler, o tema deixa de ser um problema e a única preocupação é a estrutura do texto, que deve ter sido praticada ao longo do ano”, revelou.

Já Rebeca Uzêda dos Santos, que concluiu o Ensino Médio no Colégio Estadual Filadélfia, no bairro de Vila Canária, em Salvador, afirmou que o apoio dos professores foi fundamental. “Meus professores sempre me incentivaram muito a escrever e muito atenciosos, pois criaram projetos para desenvolver o gosto dos alunos pela escrita e leitura. O professor de Redação também levava temas de redações atualizados para treinarmos a nossa preparação para o exame e isso foi muito bom”, disse a estudante. 

Em relação ao seu texto, Rebeca disse que tentou usar muito repertório sociocultural. “Como foi um tema bastante amplo, eu consegui pensar em algumas alusões. Citei o Estado Novo, as Revoluções Industriais, a Constituição Federal de 1988, as eleições presidenciais americanas, a cultura do imediatismo e, até, a série de TV ‘Black Mirror’ da Netflix”, comentou.

Fonte: ASCOM EDUCAÇÃO
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Portal Alagoinhas News.

Post Bottom Ad