Em um ano, policlínicas de saúde realizam mais de 250 mil exames e consultas - Portal Alagoinhas News - Notícias de Alagoinhas - Bahia e Região

Post Top Ad

segunda-feira, novembro 19, 2018

Em um ano, policlínicas de saúde realizam mais de 250 mil exames e consultas

A Policlínica Regional de Saúde em Teixeira de Freitas, a primeira da Bahia, realizou 76.404 exames, procedimentos e consultas médicas desde o início das atividades, em 17 de novembro de 2017, contemplando moradores de 13 municípios da região. Ao todo, as oito unidades inauguradas na Bahia entre final de 2017 e primeiro semestre de 2018, somam mais de 250 mil atendimentos a cidadãos das regiões de Guanambi, Jequié, Irecê, Alagoinhas, Feira de Santana, Valença, Santo Antônio de Jesus e Teixeira de Freitas. Outras 11 unidades estão em construção e a média de investimento do Governo do Estado em cada unidade é de R$ 25 milhões.

Para marcar a data em Teixeira de Freitas, a unidade está promovendo uma campanha destinada à captação de medula óssea, em parceria com a Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba). “A inauguração da unidade no extremo sul do estado foi o primeiro passo para a descentralização da saúde na Bahia”, afirma o secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas. Ele acrescenta que a policlínica presta um serviço ambulatorial especializado de forma humanizada, conforme todas as diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS).

A gestão das unidades é feita de forma conjunta, entre o Governo do Estado e os Consórcios de Saúde formados pelos municípios da região interessados em dividir os custos com a assistência à população. O atendimento é agendado pelas secretarias municipais e quem vive fora do município em que foi construída a policlínica conta com micro-ônibus com ar-condicionado, que faz o traslado todos os dias, gratuitamente, para levar o paciente do município até a unidade e depois retornar para casa. “Trabalhamos com equipamentos orçados em mais de R$ 3,5 milhões, os melhores do país, e nos preocupamos com a humanização do local”, explica a diretora da policlínica em Teixeira de Freitas, Lizandra Amin.

Todas as policlínicas estão preparadas para oferecer exames como colonoscopia, eletrocardiograma, endoscopia digestiva alta, ergometria, holter, mamografia, raio x, ressonância magnética com contraste e tomografia, entre outros. As equipes médicas são formadas por até 18 profissionais, divididos em especialidades como: angiologista, cirurgia-geral, endocrinologia, gastroenterologia, ginecologia, mastologia, oftalmologia, neuropediatria, ortopedia, pneumologia, reumatologia. São feitos ainda pequenos procedimentos como vasectomia e tratamento do pé diabético.

Municípios

O atendimento em Teixeira de Freitas alcança os moradores de Caravelas, Alcobaça, Ibirapuã, Itamaraju, Itanhém, Jucuruçu, Lajedão, Medeiros Neto, Mucuri, Nova Viçosa, Prado, Teixeira de Freitas e Vereda. “São mais de 500 mil baianos.”, informa Amin. Cada município da região, explica a diretora, montou seu sistema de regulação, marcando o dia e o horário na policlínica. “Além da garantia do exame e da consulta, o paciente sabe exatamente o horário em que vai ser atendido”.

Descentralização da saúde

O prefeito de Teixeira de Freitas, Temóteo Brito, ressalta que o município “está às margens da BR-101 e é a porta de entrada do desenvolvimento do Norte e Nordeste. Então, a policlínica é importante para toda a região. Eu fico muito feliz quando vejo o povo satisfeito. Todos os prefeitos estão satisfeitos e contribuindo com a sua parte para que a policlínica continue funcionando muito bem”.

Antes da unidade, revela Temóteo, a despesa da Prefeitura com saúde era grande, pois precisava levar os pacientes para outros lugares. “O povo tinha que ir para Salvador, Vitória, Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro. Era um sofrimento muito grande. Agora, tudo é resolvido aqui. Além da policlínica, o governador Rui Costa, juntamente com o secretário Fábio Vilas-Boas, anunciou que será construído aqui também o Hospital de Base”.

Novas policlínicas

As outras policlínicas funcionam em Guanambi, Irecê, Jequié, Feira de Santana, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus e Valença. Estão em construção as unidades em Barreiras, Juazeiro, Paulo Afonso, Senhor do Bonfim, Jacobina, Vitória da Conquista, Itabuna, Simões Filho, Ribeira do Pombal, São Francisco do Conde e duas em Salvador, sendo uma no bairro de Escada e outra em local que ainda será definido. O plano do Governo do Estado até 2022 é construir mais 4 policlínicas em cidades a serem definidas. A média de investimento em cada unidade é de R$ 25 milhões.

Fonte: Acorda Cidade
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Portal Alagoinhas News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Post Bottom Ad