Agentes penitenciários ameaçam greve por falta de reajuste salarial - Portal Alagoinhas News - Notícias de Alagoinhas - Bahia e Região!

Post Top Ad

sexta-feira, novembro 02, 2018

Agentes penitenciários ameaçam greve por falta de reajuste salarial

Os agentes penitenciários do Estado da Bahia ameaçam iniciar uma greve caso o projeto de lei enviada para Assembleia Legislativa (Alba), em maio deste ano, que prevê o reajuste salarial da categoria, não seja cumprida.

O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Estado da Bahia (Sinspeb), Reivon Pimentel, e o vice, Fernando Fernandes, participaram de uma reunião com o líder do governo, deputado Zé Neto (PT) em busca de um posicionamento. O projeto de reajuste da remuneração foi encaminhado pelo próprio Poder Executivo, em 15 de maio deste ano, e deveria ser sancionado ou vetado em até quinze dias, entretanto, os agentes ainda não tem uma solução.

“Por conta do processo eleitoral, segundo informações passadas pelo chefe de gabinete do governador, o setor jurídico da campanha orientou a não sancionar o projeto que foi aprovado. Além disso, recomendou também que ele fizesse uma consulta ao TRE para saber se haveria alguma implicação na campanha. Agora que acabou o pleito, estamos cobrando com mais efetividade”, explicou Reivon. O projeto previa 14% de aumento para os servidores: 10% retroativo a 1º de abril e outros 4% a partir de novembro.

Ainda segundo Reivon, a categoria deu até a próxima quinta, dia 1° de novembro, para que o governo e a presidência da Alba apresentem alguma resposta sobre a solicitação do sindicato. Caso não haja, a instituição deve convocar uma assembleia e iniciar uma greve no estado

“O líder do governo se comprometeu a falar com o governador, e o secretário-geral da Mesa se comprometeu a conversar com o presidente da Casa para destravar esse processo. Caso não tenhamos resposta positiva do governador ou do presidente, vamos chamar uma assembleia da categoria para que a categoria decida a melhor forma para que tenhamos a efetivação desse aumento. A gente vai vir com mais força nessa cobrança”, alertou o presidente do Sinspeb.

Fonte: Varela Notícias
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Portal Alagoinhas News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Post Bottom Ad