quarta-feira, setembro 05, 2018

Alagoinhas: Vereadores da oposição protocolam pedido de CPI para investigar contratos do transporte escolar na gestão Joaquim Neto

 quarta-feira, setembro 05, 2018  |  Redação PAN  Política


A sessão da tarde desta terça-feira(04) na Câmara Municipal de Alagoinhas foi marcada por mais uma ação da bancada oposicionista.

Desta vez, um pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito(CPI) para investigar os contratos firmados entre a prefeitura de Alagoinhas e prestadoras de serviço de transporte escolar entre janeiro de 2017 e setembro de 2018 foi protocolado na Casa.

Precisando da assinatura de apenas 6 vereadores para sua instalação, o documento já conta com 8 assinaturas, o que já assegura a sua instalação. Assinaram o requerimento todos os vereadores da oposição, que são eles: Pastor Lins(PPL), Caio Ramos(REDE), Thor de Ninha(PT), Luciano Sério(PT), Duy do Frango(PMN), Anderson Baqueiro(Solidariedade), Darlan Lucena(PRP) e João Henrique Paolilo(Podemos).

O vereador Thor de Ninha defendeu a criação da CPI, alegando que há fortes indícios de que o esquema criminoso envolvendo contratos do transporte escolar na gestão do ex-prefeito Paulo Cezar, que são investigados pela CGU e pela PF, perduraram no governo Joaquim Neto(DEM). Além disso, ele afirma que há suspeitas de que a nova empresa contratada, após realização de  licitação da atual gestão, mantém a mesma margem de lucro da antiga empresa, alvo de investigação da CGU. Isto porque, segundo o vereador, a diminuição do valor pago pela prefeitura pelo serviço de transporte escolar foi repassado apenas aos motoristas contratados. Antes se pagava por volta de 6 mil por mês a cada motorista e agora é pago a metade deste valor. A diminuição também estaria presente no valor das diárias pagas. Isso, de acordo com Thor de Ninha, denotaria a configuração de sobrepreço

O líder do DEM na Câmara, Luciano Almeida, questionou o pedido de instalação de CPI para investigar os contratos firmados pela gestão Joaquim Neto, alegando que as irregularidades envolvendo o transporte escolar que é alvo de investigação da CGU se iniciou em 2009. “O papagaio come o milho e o periquito é que leva a a fama” disse o demista, questionando uma possível perseguição por parte da bancada de oposição ao prefeito Joaquim Neto.

Fonte: News in foco


Publicidade:

Compartilhe a Notícia


COMENTE COM SUA CONTA VIA FACEBOOK
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Portal Alagoinhas News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.
Caro Leitor,

Este texto não reflete, a opnião do Portal Alagoinhas News, agradecemos sua visita, volte sempre.

Política de PrivacidadeTermo de Uso
Portal Alagoinhas News | O site de notícias de Alagoinhas - Bahia e Região!

Todos os Direitos Reservados a Silva Serviços - Desenvolvido Por: Bloggertheme9

Copyright © 2012 - 2018
back to top