quinta-feira, setembro 07, 2017

Itabuna: Homem é encontrado morto no galpão da Kildare e Prefeitura se recusa a remover o corpo

 quinta-feira, setembro 07, 2017  |  Redação PAN  Notícias do Estado da Bahia

Um homem sem identificação, aparentemente 28 a 30 anos, foi encontrado morto no antigo galpão da kildare, localizado na Avenida Manoel Chaves, próximo ao hipermercado Itão, no bairro São Caetano, em Itabuna.

A Polícia Militar e o Departamento de Polícia Técnica foram acionados, mas foi constatado que o homem foi vítima de morte natural e morreu dormindo, sendo assim, a responsabilidade de recolher o corpo é da Prefeitura Municipal de Itabuna, que se recusa em remover o corpo.

Segundo informações, a vítima não aparenta ter envolvimento com drogas. Quem tiver informações sobre a identificação da vítima ou conhecer os familiares, entrar em contato com a equipe do Verdinho através do telefone (73) 98833- 6510 ou ir até o local, pois o corpo ainda não foi removido.

Espaço abandonado

Vale lembrar que o galpão da Kildare está abandonado desde quando a fábrica de sapatos foi fechada. Muitos moradores de rua utilizam o local como abrigo e outros utilizam para fazer uso de entorpecentes e tráfico de drogas.

O imóvel é de responsabilidade da Prefeitura que deveria utilizá-lo de forma útil e rentável para a população itabunense.

Fonte: Verdinho Itabuna


Publicidade:

Compartilhe a Notícia


COMENTE COM SUA CONTA VIA FACEBOOK
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Portal Alagoinhas News. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.
Caro Leitor,

Este texto não reflete, a opnião do Portal Alagoinhas News, agradecemos sua visita, volte sempre.

Política de PrivacidadeTermo de Uso
Portal Alagoinhas News | O site de notícias de Alagoinhas - Bahia e Região!

Todos os Direitos Reservados a Silva Serviços - Desenvolvido Por: Bloggertheme9

Copyright © 2012 - 2018
back to top