Asteroide de 45 metros de comprimento passa a 27 mil quilômetros da Terra

Um asteroide passou nesta sexta-feira, 15, a apenas 27.59 quilômetros da Terra – distância bem menor que a dos satélites que orbitam o planeta, a cerca de 36 mil km de altitude -, horas depois de um meteoro explodir sobre os Montes Urais, na Rússia. É a menor distância registrada entre uma rocha dessa magnitude – 45 metros de comprimento – e a Terra. Imagem divulgada pela Nasa mostra a trajetória (curva) do asteroide. Em todo o mundo, cientistas insistiram que o meteoro e o asteroide não têm nenhuma relação, já que eles aparentemente viajavam em direções opostas. O asteroide que passou “raspando” pela Terra é cerca de três vezes maior que o meteoro e deleitou astrônomos na Austrália e nos arredores, que puderam observá-lo sem problemas, em um céu noturno limpo. Chamado de 2012 DA14, o asteroide não colidiu com nenhum satélite em órbita, como previram os cientistas. Agora, segundo Paul Chodas, do programa de Objetos Próximos da Terra do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa, a agência espacial dos Estados Unidos, o asteroide “está indo embora”.

Fonte: Estadão
Siga o Portal Alagoinhas News no Google Notícias e Instagram para receber as principais notícias do dia em primeira mão.