quinta-feira, dezembro 28, 2017

'Se eu fosse jogador, pensaria duas vezes antes de vir para o Vitória’, lamenta presidente do clube

 quinta-feira, dezembro 28, 2017  |  Redação PAN  Notícias do Estado da Bahia

O orçamento do Vitória para 2018 foi definido na última quarta-feira (27), numa reunião do Conselho Deliberativo do clube. E, no primeiro encontro de planejamento orçamentário para a próxima temporada, o presidente do clube, Ricardo David, se mostrou preocupado. Com situação financeira delicada em mãos, o dirigente revelou que tem dificuldades para renovar com um jogador do elenco. “Possivelmente não vamos conseguir fazer essa renovação. As bases que ele está pedindo, seria irresponsável. E essa gestão não é irresponsável. Vamos mostrar alguns números. Eu, particularmente, se eu fosse jogador de futebol e estivesse do lado de fora, pensaria duas vezes antes de vir para o Vitória. É a verdade”, disse na reunião, transmitida no canal da agremiação no Youtube. Apesar das dificuldades, David pediu união e crê que a situação pode ser revertida. “Vai ser impossível esperar um Vitória pelo menos razoável se não estivermos juntos. Não tem como. O que vamos apresentar... O que foi feito no Vitória neste ano, e os números espelham... É possível recuperar? É possível sim. Nós já começamos isso desde as 8h do dia 14. Estamos aqui initerruptamente todos esses dias. Não tenho dúvidas que podemos. Mas vocês vão ver. Ou fazemos juntos, ou não terei a mínima capacidade... de reverter onde o Vitória chegou. Vamos apresentar, apesar da pauta ser de apresentação do orçamento do ano que vem, não faz nenhum sentido dizer sobre o Vitória de 2018 sem deixar pelo menos uma notícia do que foi o Vitória em 2017. O Vitória de 2018 é completamente consequência do que ocorreu até agora. (...) A situação é muito crítica. A gente precisa estar juntos. Não tem outro caminho. Ou a gente dá as mãos, ou não vamos sair da situação que o Vitória chegou”, avisou. O orçamento do Vitória, em 2017, foi definido em R$ 77.928.763, com uma despesa de R$ 77.926.435. Portanto, o clube termina o ano com um saldo positivo de R$ 2.327. De acordo com relatório exposto pelo Conselho Fiscal em outubro, a agremiação pagou, somente em salários, R$ 5 milhões além do planejado e houve extrapolação de R$ 3 milhões acima do limite orçamentário previsto. Além disso, o Departamento de Futebol Profissional gastou R$ 1,8 milhão a mais que o planejado.

Fonte: Bahia Notícias

Publicidade:

Compartilhe a Notícia


COMENTE COM SUA CONTA VIA FACEBOOK
ATENÇÃO: Todos os comentários passam por uma vistoria e só serão aceitos se estiverem cumprindo estas normas; Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.
Caro Leitor,

Este texto não reflete, a opnião do Portal Alagoinhas News, agradecemos sua visita, volte sempre.

Termo de Uso-Anuncie-Contato
Portal Alagoinhas News | O site de notícias de Alagoinhas - Bahia e Região!

Desenvolvido Por: Bloggertheme9

Copyright © 2012 - 2018
back to top