quarta-feira, novembro 29, 2017

Salvador: Governo ainda não possui plano para contornar eventual paralisação do metrô

 quarta-feira, novembro 29, 2017  |  Redação PAN  Notícias do Estado da Bahia

O metrô de Salvador já está na rotina de uma parcela da população da região metropolitana de Salvador. No entanto, ainda não há estratégias definidas para contornar momentos em que o modal deixar de funcionar. De acordo com a Secretaria de Comunicação do governo do estado, as medidas a serem adotadas dependeriam do cenário apresentado, considerando principalmente a duração da paralisação no serviço. Quem vive em cidades como Camaçari, Lauro de Freitas e Simões Filho dependia do serviço de ônibus metropolitano para chegar a Salvador com transporte público. O metrô já avançou até a Estação Mussurunga, mas os moradores desses municípios continuam sem ter duas opções para se deslocar na região metropolitana. Como os ônibus metropolitanos tiveram seus percursos encurtados e vão apenas até a estação de metrô mais próxima da "entrada" de Salvador - Mussurunga, Pirajá ou Acesso Norte, a depender da linha -, esses moradores agora se tornaram dependentes do metrô. Se o novo modal parar por algum motivo, seja falha técnica ou greve de trabalhadores, o descolamento dos moradores da região metropolitana ficaria quase inviável em razão do novo desenho das linhas de ônibus metropolitanos. Em contato com o Bahia Notícias, a Secretaria de Comunicação do governo do estado comentou que ainda existe uma negociação para integrar os ônibus metropolitanos com os urbanos, o que amenizaria o impacto de uma interrupção do metrô. Na avaliação do secretário municipal de Mobilidade, Fábio Mota, a responsabilidade pela falta de acordo quando a essa modalidade de integração é da gestão estadual. "O estado não autorizou que integre com ônibus municipal. Mas isso não é prefeitura, é Agerba", despistou Mota. "Os ônibus param em Mussurunga e Pirajá, e a população que desce não tem acesso a outro ônibus porque não tem integração entre metropolitano e ônibus urbano", explicou.

Fonte: Bahia Notícias

Publicidade:

Compartilhe a Notícia


COMENTE COM SUA CONTA VIA FACEBOOK
ATENÇÃO: Todos os comentários passam por uma vistoria e só serão aceitos se estiverem cumprindo estas normas; Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.
Caro Leitor,

Este texto não reflete, a opnião do Portal Alagoinhas News, agradecemos sua visita, volte sempre.

Termo de Uso-Anuncie-Contato
Portal Alagoinhas News | O site de notícias de Alagoinhas - Bahia e Região!

Desenvolvido Por: Bloggertheme9

Copyright © 2012 - 2017
back to top