sábado, julho 29, 2017

Alimento não industrializado, arma contra as hepatites

 sábado, julho 29, 2017  |  Redação PAN  Curiosidade


O consumo adequado dos alimentos, mais naturais e menos industrializados, é uma forma importante de prevenção contra a hepatite. A recomendação foi dada à população pelos profissionais de saúde que participaram, na sexta-feira (28), em Feira de Santana, da programação que marca o Dia Mundial Contra as Hepatites Virais.

Além das palestras para esclarecimento da comunidade, o evento realizado no estacionamento da Prefeitura, centro da cidade, ofereceu à comunidade serviços como teste rápido para diagnóstico das hepatites B e C, aferição de pressão arterial e distribuição de preservativos. A iniciativa foi do Programa Municipal de DST/HIV aids e Hepatites Virais, da Secretaria Municipal de Saúde.

No teste rápido, basta uma gota de sangue e em menos de 15 minutos é obtido o resultado, se a pessoa tem ou não hepatite B ou C. A dona de casa Maria Lúcia Amorim da Silva, 68 anos, abriu o sorriso ao saber que não sofre da doença. “Graças a Deus, a minha saúde vai bem”, comemorou. Doença que acomete o fígado, as hepatites são silenciosas e nem sempre apresentam sintomas.

“Aproveito essas oportunidades para me cuidar. É uma maneira de promover a minha saúde sem gastar”, comentou a costureira Maria dos Anjos. Durante a ação, que prosseguiu até as 17h, os casos diagnosticados com hepatite serão encaminhados para acompanhamento no Programa Municipal, que está instalado na rua Barão do Rio Branco, 1.054, Centro. Nele atuam hepatologista, enfermeiro, assistente social, nutricionista, psicólogo e farmacêutico. Todo o atendimento é gratuito.

“Esse é um dia para chamar a atenção da população para a existência dessa doença, que só é descoberta com a realização de exames específicos”, afirma enfermeira referência, Telma Nandiara. “Quanto mais rápido o vírus for descoberto, mais cedo o paciente terá acesso ao tratamento e com maiores chances de obter a cura”, acrescenta.

De acordo com a enfermeira as hepatites podem ser dos tipos A, B ou C. A hepatite B é transmitida em contato com o sangue contaminado ou através da relação sexual desprotegida. Já a hepatite C é transmitida somente em contato com o sangue contaminado de outra pessoa. A contaminação pelo tipo A, que é curável, está relacionada aos hábitos alimentares.

Palestras para manicures

Ainda como parte das atividades alusivas ao “Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites” – a Secretaria Municipal de Saúde vai promover no dia 14 de agosto, a partir das 14h, no auditório Dr. João Batista de Cerqueira, palestra para as manicures com orientações sobre a prevenção da hepatite, que pode ser transmitida por alicates ou outros objetos cortantes sem a devida esterilização, bem como por espátulas. 

Fonte: Acorda Cidade

Publicidade:

Compartilhe a Notícia


COMENTE COM SUA CONTA VIA FACEBOOK
ATENÇÃO: Todos os comentários passam por uma vistoria e só serão aceitos se estiverem cumprindo estas normas; Não serão aceitos comentários com teor ofensivo, difamatório ou contendo palavras de baixo calão.
Caro Leitor,

Este texto não reflete, a opnião do Portal Alagoinhas News, agradecemos sua visita, volte sempre.

Termo de Uso-Anuncie-Contato
Portal Alagoinhas News | O site de notícias de Alagoinhas - Bahia e Região!

Desenvolvido Por: Bloggertheme9

Copyright © 2012 - 2017
back to top